DIGA NÃO AOS JUROS ALTOS! CHEGA DE ENGORDAR BANQUEIRO!

Todos à manifestação contra os juros altos no dia 19 de janeiro, na Av. Paulista, às 10 horas, em frente ao Banco Central 

 

O vice-presidente nacional da CGTB e presidente da Fenaac e Sindicomunitário, José Roberto Prebill, participa, ao lado de diversas outras lideranças sindicais, de protesto contra o aumento dos juros em frente ao Banco Central na Av. Paulista, em 28 de julho do ano passado. (Foto: Erick Vizoki)

 

O ano de 2016 começa igual ao ano que findou, com números que apontam um verdadeiro desastre econômico e social no país e com o governo anunciando ainda mais elevação dos juros e ameaça aos direitos dos trabalhadores, como a instituição de idade mínima para a aposentadoria, o que prejudicaria os que começam a trabalhar mais cedo, ou seja, a camada mais humilde da população.

Em nome de um chamado “ajuste fiscal”, feito exatamente para favorecer os bancos, o governo cortou investimentos, verbas da educação e da saúde, de programas como Minha Casa Minha Vida e manteve o País como campeão mundial dos juros altos, o que inviabiliza a produção, a geração de empregos e as vendas no comércio. Apenas os bancos se beneficiam com isso.

Só de janeiro a novembro do ano passado, o setor público gastou nada menos que R$ 449,693 bilhões com juros, superior ao que foi gasto em todo o ano de 2014 (R$ 311,380 bilhões). O resultado é uma quebradeira geral. Os cinco estados responsáveis por 65% da economia brasileira tiveram produção industrial negativa de janeiro a novembro de 2015: São Paulo: -10,9%; Rio de janeiro: -6,2%; Minas Gerais: -12,0%; Paraná: -9,2%; e Rio Grande do Sul: -11,8%.

Com a queda da produção, cai junto o nível de emprego. Em todo o Brasil, mais de 1 milhão de trabalhadores foram demitidos no ano passado e a situação este ano não será diferente: todas as estimativas indicam que o Produto Interno Bruto (PIB) ficará negativo (cerca de -3,5%) em 2015 e em 2016.

Assim, as Centrais Sindicais e entidades do movimento popular irão realizar no dia 19 de janeiro, na Av. Paulista, às 10 horas, uma manifestação contra os juros altos. Menos juros, mais empregos, mais salários, mais saúde, mais educação, mais moradia e transporte público de qualidade!

 

DIGA NÃO AOS JUROS ALTOS!

Dia 19 de janeiro – 10 horas

Em frente ao Banco Central

Av. Paulista, 1.804, Bela Vista

Escrito por Fenaac

Atendimento: (11) 2153-4026- contato@fenaac.org.br
Av. Prestes Maia, 241 - 43º andar - Conj. 4301 - 
Vale do Anhangabaú - São Paulo - SP - CEP 01031-001

       

Style Setting

Fonts

Layouts( inner pages )

Direction

Template Widths

px  %

px  %